Bacharel em teatro e pós-graduado em direção teatral pela Faculdade CAL de Teatro, formado em interpretação pela UniverCidade do Rio de Janeiro e pelo Conservatoire National Superieur d´Art Dramatique de Paris.

Com mais de 30 peças de teatro no currículo, construiu parte da carreira na Europa, atuando em francês e em inglês,onde trabalhou com ícones do teatro mundialcomo Pina Bausch (espetáculo Nur Du), Théâtre du Soleil (La Cuisine), Alain Ollivier (O Anjo Negro) e com os atores da Cia. de Peter Brook: Sotigui Kouyaté, Yoshi Oida e Bruce Myers, em Paris; Simon McBurney, do Théâtre de Cumplicité, em Londres e com Carina Holla, do Teatro Físico de Amsterdam, Holanda.

No Brasil destaca-se como diretor de "Jozú, O Encantador de Ratos", de Hilda Hilst, com Carla Tausz, espetáculo muito bem recebido por público e crítica de várias cidades do Brasil. Com o diretor André Paes Leme, realizou um de seus mais importantes trabalhos: "Pequenos Trabalhos Para Velhos Palhaços", 1ª montagem de uma peça de Matéi Visniec no país, com tournées no Brasil e França.


• CINEMA

Longas-metragens:

Chico Xavier, de Daniel Filho (2010); Tropa de Elite 2, de José Padilha (2010); Anjos do Sol, de Rudi Lagemann (2005); Amélia, de Ana Carolina (1998); Retrato Falado do Poeta Castro Alves, de Silvio Tendler (1997).

Curtas-metragens:

Malasartes Vai à Feira, de Eduardo Goldenstein (2004); Truques, Xaropes e Outros Artigos de Confiança, de Eduardo Goldenstein (2003); Pra mim chega!, de Breno Kuperman (2003); Tango, de Christine Kretschmer (Londres -1996)


• TELEVISÃO

Novelas:

Amor de Mãe, de José Villamarim – TV Globo (2020); Verão 90, de Jorge Fernando – TV Globo (2018); Geração Brasil, de Denise Saraceni – TV Globo (2014); Cheias de Charme, de Denise Saraceni – TV Globo (2012); Cabocla, de Ricardo Waddington – TV Globo (2004)

Séries:

Impuros, de Tomás Portella e René Sampaio - Star +/Disney+ (2022); Rio Connection, de Mauro Lima-Globoplay /Sony Pictures International (2021) (gravada em inglês); Sob Pressão, de Andrucha Waddington - TV Globo (2017/2018); Adorável Psicose, de Natália Klein - Multishow (2011); Um Amor Quase Perfeito, de Marco Altberg – Multishow (2002).


• PRÊMIOS:

Indicado ao Prêmio Mambembe de Melhor Ator do Ano pela peça "A Casa da Madrinha", com o Grupo Hombú e direção de Luis Carlos Rípper e ao Prêmio CBTIJ de Melhor Ator pela peça “A Pequena Vendedora de Fósforos”.

Using Format